Banner

Encontro Internacional de Jovens do Doce traz Beto Cury a Ipatinga

Secretário Nacional de Juventude ministra palestra no 5º Fórum das Águas do Rio Doce

A juventude de Ipatinga está se mobilizando para o 1º Encontro Internacional Água e Juventude pelo Rio Doce (EIAJ), um dos eventos significativos do 5º Fórum das Águas do Rio Doce. O EIAJ que também acontece de 7 a 10 de abril, no Parque Ipanema, em Ipatinga (MG) contará com a presença do secretário Nacional de Juventude, Beto Cury. A Prefeitura de Ipatinga, junto aos Governos do Espírito Santo e de Minas Gerais, Associação Projeto Águas do Rio Doce e Instituto Eco-Futurismo, prepararam uma programação extensa para estes quatro dias.

Após a recepção e cadastramento dos participantes, será iniciado no dia 7 de abril, às 16h, um bate-papo sobre Protagonismo Juvenil, seguido da abertura oficial do Encontro Internacional. Serão recebidos representantes da Argentina, Bolívia, Bulgária, Cabo Verde, Colômbia e Costa Rica, além de jovens de várias regiões do Brasil. Para o prefeito Robson Gomes a presença de Beto Cury será “essencial para reforçar as políticas públicas ambientais debatidas no Encontro perante o Governo Federal”, avalia.

No dia 8 de abril, às 8h30, acontece a mesa redonda “Políticas Públicas da Juventude”, com a palestra do secretário Nacional da Juventude, Beto Cury. Na sequência, os participantes se dividem em grupos de discussão. No mesmo dia, às 14h, os jovens conhecem detalhes do Plano Integrado de Recursos Hídricos da Bacia do Rio Doce (PIRH-Doce), apresentados por um representante do Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam). Ao final, os participantes voltam a reunir-se em grupos de discussão.

A apresentação do Movimento Água e Juventude pelo Rio Doce, com a definição das propostas e plano de ação, acontece no dia 9 de abril, de 8h às 10h. À tarde, ocorre a apresentação da agenda conjunta dos grupos de jovens, estruturação do movimento e encaminhamentos, com a elaboração do documento final do EIAJ. O dia 10 está reservado para visitas técnicas a locais da região em que já são desenvolvidos projetos de sustentabilidade, como o Parque Estadual do Rio Doce e a Lagoa do Piau.

Consciência jovem

Para o estudante do 8º período do curso de Química da Universidade Federal de Lavras, Paulo Fabrício Queiroz Martins, a juventude hoje tem consciência dos problemas ambientais que enfrenta. Na maioria das vezes os jovens não sabem como se organizar e agir para solucionar estes problemas. Paulo Martins que participa da equipe de coordenação do 1º Encontro Internacional Água e Juventude pelo Rio Doce (EIAJ) avalia que este é o momento de agir para mudar, tal qual a proposta do Fórum das Águas.

Esta é a mesma opinião dos demais integrantes da equipe – a estudante de Comunicação da Universidade de Vila Velha (UVV), Priscila Fabiana, e o aluno do curso de Geografia da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), Heider Boza. Para eles, o Fórum será o espaço ideal para o encontro. “O objetivo principal é reunir diferentes grupos jovens que já atuam em prol da sustentabilidade. Queremos formar aqui outro grupo, reunindo jovens que têm ações locais para construir um projeto de movimento regional, com foco na bacia do Rio Doce”, explicou Paulo Martins.