ESPORTES

 
FMF cancela final do Troféu Inconfidência

05/08/2020

Cruzeiro e Uberlândia decidiriam o Troféu Inconfidência, na noite de hoje, às 19h, no Mineirão.  Na manhã desta quarta-feira, o jogo foi cancelado pela FMF.  A decisão foi tomada por causa do alto número de casos de COVID-19 nos atletas do time do Triângulo Mineiro. Ao todo, 13 testaram positivo. Ainda de acordo com a Federação, não haveria "tempo hábil para a realização de contraprova para se confirmar tais diagnósticos.

A entidade também ressalta a obrigação assumida de "cumprir procedimentos rigorosos com o intuito de obter um maior controle no combate à contaminação causada pelo vírus e a prevenção diante do alto risco de propagação e contaminação em massa, dando prioridade absoluta à integridade física dos jogadores, membros de comissões técnicas, árbitros e demais profissionais envolvidos".

Por meio do Twitter, o Cruzeiro diz que concordou com a não realização da partida em solidariedade à equipe do Uberlândia.

 
Semifinal com duelo do interior e América x Galo

O Tombense vai pegar a Caldense; América e Atlético fazem novo clássico por vaga na final, que terá duelo entre capital e interior.

O Galo passou fácil pelo Patrocinense, ontem no Mineirão, goleando por 4 a 0, e conquistando a terceira posição. O time de Sampaoli sobrou no primeiro tempo, amassou a equipe de Patrocínio, não dando chances ao adversário devido a sua superioridade técnica e física no confronto. O resultado poderia ser mais elástico, o time atleticano deixou de aproveitar outras tantas oportunidades de gols. Na etapa complementar Sampaoli fez as cinco substituições e levou o resto da partida em ritmo de treino. O Atlético vai enfrentar o América segundo colocado que ontem também goleou, fez três a zero na URT sem encontrar dificuldades, mesmo usando um time reserva.

Já o Tombense, da Zona da Mata, com uma campanha sensacional fez o dever de casa e venceu o Uberlândia por 1 a 0, e ficou com a liderança. Joga contra a Caldense com a vantagem na semifinal, dois empates ou uma vitória e uma derrota pela mesma diferença de gols. O critério é o mesmo para o América contra o Galo.

O Cruzeiro ganhou mas não levou, fez 1 a 0 na Caldense e só, precisava de 3 gols e foi eliminado.

O Coimbra de virada venceu o Vila Nova, em Nova Lima e se manteve na Primeira Divisão. O Vila saiu na frente e o Coimbra fez 2 a 1. O Vila foi rebaixado. O Tupynambás já estava rebaixado perdeu para o Boa Esporte por 1 a 0.

A decisão será entre a Capital e interior. América X Atlético e Tombense X Caldense, fazem a semifinal a partir de deste domingo.

A última vez que um time do interior chegou à decisão do Campeonato Mineiro foi em 2015, Atlético e Caldense decidiram o título, o Atlético foi o campeão. O Tombense é o favorito para ir à final, deve passar pela Caldense, tem mais time e está mais preparado, fez uma campanha espetacular. América e Atlético, é clássico.

O Galo tem mais superioridade técnica individual, elenco mais qualificado. O América tem mais conjunto, mais organizado e taticamente pode surpreender como fez no jogo passado, quando empataram em 1 a 1. O primeiro jogo será decisivo, quem sair na frente terá mais tranquilidade para a segunda partida, vai jogar com o regulamento debaixo do braço. Sem dúvida serão dois jogos de muita adrenalina.

 
Rodada de hoje define semifinalistas do Mineiro

29/07/2020

Seis jogos simultâneos hoje, às 21h30, encerram a primeira fase do Campeonato Mineiro 2020. A 11ª rodada envolve disputa pela primeira colocação, briga por classificação às semifinais e luta contra o rebaixamento ao Módulo II.

O Cruzeiro precisa de um placar elástico no confronto direto com a Caldense para passar às semifinais. Jogo em Poços de Caldas. O time celeste é o quinto colocado, com 17 pontos e cinco gols de saldo. Já a Veterana aparece em terceiro, com 20 pontos e saldo positivo de dez.

Tarefa difícil para o Cruzeiro, mas não impossível. A Caldense está invicta dentro de seus domínios, com quatro vitórias e um empate, um aproveitamento de 86,66%. Um empate, ou uma derrota pela diferença de 2 gols dá a vaga para a Caldense.

No Mineirão, o quarto colocado Atlético, com 19 pontos, depende de vitória simples sobre o Patrocinense (12 pontos, na sétima posição) para avançar às semifinais. Em caso de tropeço (empate ou derrota), precisará secar o Cruzeiro contra a Caldense. Uma eventual saída na primeira fase frustraria os planos do alvinegro, que contou com apoio do empresário Rubens Menin, dono da construtora MRV, para investir mais de R$ 85 milhões em contratações nos quatro meses de paralisação do futebol devido à Covid-19. Recordista com 44 títulos, o Galo pode até ser o segundo na fase inicial do Mineiro, desde que vença o Patrocinense, em BH, e o vice-líder América (22) perca para a oitava URT, fora de casa. Mas o Coelho, já assegurado nas semifinais, está de olho na primeira posição. Para isso, terá de vencer no Zama Maciel, em Patos de Minas, e torcer por empate ou derrota  do líder Tombense (23) ante o sexto Uberlândia (14), no Almeidão, em Tombos.

Em Nova Lima, o jogo dos desesperados entre Villa Nova e Coimbra para ver que será rebaixado. O Coimbra se salva com um empate. Tem 7 pontos contra 4 do Vila, penúltimo colocado. O Leão do Bonfim tem de ganhar por qualquer placar, já que superaria o adversário no número de vitórias, principal critério de desempate da competição.  Tombense e América já classificados lutam por posições, primeiro ou segundo colocado. Caldense, Atlético e Cruzeiro, disputam as outras duas vagas. Lembrando que o Galo com uma vitória simples garante a classificação. A Caldense pode até perder por 2 gols de diferença que estaria também na semifinal. O Tupynambás já esta rebaixando e joga em Varginha contra o Boa Esporte.

Os jogos das semifinais do Mineiro 2020 serão nos dias 2, próximo domingo e na quarta-5.

 
Governo do Estado não aprova protocolo para volta do futebol em Minas

O futebol ainda não pode voltar a ser praticado em Minas Gerais. É o que reforça o comunicado divulgado hoje, segunda (29/06) pela Secretaria de Estado de Saúde, que fala sobre a avaliação do Centro de Operações de Emergência em Saúde de Minas Gerais,

Confira a nota: "O Centro de Operações de Emergência em Saúde de Minas Gerais (COES-MG) avaliou os protocolos apresentados pela Federação Mineira de Futebol (FMF) e pelos times mineiros, e que solicitava o retorno às atividades do futebol para o Campeonato Mineiro. Diante de um panorama com piora da situação epidemiológica e assistencial, em que, inclusive, foi recomendado o retorno de todos os municípios que aderiram a Deliberação do Comitê Extraordinário COVID-19 nº 39 de 29 de abril de 2020 (Plano Minas Consciente) para a onda verde, a avaliação feita foi de que nenhum protocolo seria adequado ao momento. Havendo uma melhora do panorama epidemiológico e assistencial os protocolos serão reavaliados para que a atividade seja retomada com segurança a vida dos envolvidos. A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) entende a importância do futebol e do esporte na vida do brasileiro, mas nenhum protocolo seria adequado ao momento."

A Federação Mineira de Futebol (FMF) ainda não foi comunicada oficialmente, mas informou que vai seguir respeitando as autoridades da área de Saúde e aguardando o momento adequado para a retomada do futebol em Minas Gerais.

Já de acordo com Leonardo Barbosa, diretor de competições da FMF, a federação trabalhou a data de 26 de julho porque a previsão do pico da doença no estado era o dia 15 de julho. Dessa maneira, os clubes estariam em período de treino e só retomariam o futebol no fim do mês. Leonardo afirmou que essa data, 26 de julho, não era uma imposição da FMF, mas, sim, uma previsão. O diretor salientou que a entidade quer apenas uma expectativa de quando o futebol pode ser retomado porque a FMF precisa comunicar os clubes do interior e tentar facilitar a vida deles no que diz respeito a treinos, protocolos e preparação. (por @JosiasPereira)

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Página 8 de 24