Banner

Geral


TURISMO

 
TSE DECIDE QUE LULA NÃO PODE SER CANDIDATO A PRESIDENTE

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) rejeitou o registro de candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) às eleições de outubro. E ficou definido que Lula não poderá participar de atos de campanha e pediu a retirada do nome do petista da programação da urna.

Dos sete ministros, seis votaram contra o petista (o relator Luís Roberto Barroso, que foi seguido por Og Fernandes, Jorge Mussi, Admar Gonzaga, Tarcisio Vieira e pela presidente do TSE, Rosa Weber). Apenas Edson Fachin votou pela aprovação do registro de candidatura do ex-presidente, em caráter provisório.

Os ministros que votaram contra o registro entendem que Lula está enquadrado na Lei da Ficha Limpa, depois de ser condenado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do triplex do Guarujá (SP).

A votação durou quase 12 horas, começando na tarde desta sexta e acabando no início da madrugada deste sábado. Foi decidido que o PT terá que apresentar, em até 10 dias, o nome de outro candidato à Presidência para substituir Lula. Por isso, o ex-presidente não poderá mais aparecer no horário eleitoral para presidente, veiculado no rádio e na televisão a partir deste sábado, até que o partido faça a substituição.

Ao discordar da principal tese de argumentação da defesa, o relator Luís Roberto Barroso considerou que o Brasil não é obrigado a atender o comunicado apresentado pelo Comitê de Direitos Humanos da ONU que defende o direito do petista disputar as próximas eleições.

"Minha única preocupação é a defesa da democracia. Não há qualquer razão para o TSE contribuir para a indefinição e a insegurança jurídica e política do país", defendeu Barroso, ao iniciar a leitura de seu voto, que durou cerca de uma hora e vinte minutos.

Durante a sessão extraordinária, Barroso alegou que não deu tratamento diferenciado ao ex-presidente, observando que procurou levar a julgamento todos os registros que estavam sob sua relatoria antes do início do horário eleitoral. Os blocos de propaganda dos presidenciáveis começam a ser veiculados neste sábado, mas as inserções já foram transmitidas nesta sexta ao longo da programação das emissoras de rádio e TV.

"Não houve nem atropelo, nem tratamento desigual. Queria deixar claro que o que o TSE procura é assegurar os direitos do impugnado (Lula) e da sociedade brasileira de terem uma eleição presidencial com os candidatos definidos", frisou o ministro, cujo gabinete trabalhou madrugada adentro para concluir os trabalhos.

A divergência no julgamento foi aberta pelo ministro Edson Fachin, que entendeu que não seria possível afastar o entendimento do Comitê de Direitos Humanos da ONU, que pede que Lula participe como candidato às eleições de 2018.

"Entendo que o candidato requerente está inelegível por força da Lei da Ficha Limpa. Contudo, diante do Comitê, obtém o direito de paralisar a eficácia da decisão que nega o registro de candidatura", disse Fachin, acrescentando que, em face da medida da ONU, se "impõe em caráter provisório reconhecer o direito do petista se candidatar às eleições".

O comitê da ONU ainda não analisou o mérito do pedido de Lula, segundo Barroso. "Em face da medida provisória concedida no âmbito do Comitê, se impõe em caráter provisório reconhecer o direito, mesmo estando preso, de se candidatar às eleições presidenciais de 2018", defendeu Fachin.

A decisão do Comitê da ONU, que embasou o voto de Fachin a favor de Lula, foi minimizada por Barroso, que destacou que o comunicado foi assinado por apenas dois representantes.

 
IPATINGA TERÁ VOOS PARA AEROPORTO DA PAMPULHA

Ipatinga, Governador Valadares, Patrocínio e Piumhi passam a ter voos semanais para o aeroporto da Pampulha.

As quatro cidades de Minas passam a contar com voos regionais a partir desta semana, informou a Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemge).

Os vôos para Ipatinga e Governador Valadares serão às segundas, quartas e sextas-feiras.
As escolhas das cidades foi motivada pela demanda e para proporcionar maior interligação entre as regiões. Os voos partem do Aeroporto da Pampulha, em BH, e fazem parte do projeto Voe Minas Gerais.
As passagens estão disponíveis para compra pelo site do projeto, www.voeminasgerais.com.br, e nos aeroportos participantes.

“Os voos oferecidos em Ipatinga, no Vale do Aço, e Governador Valadares, no Vale do Rio Doce, têm como objetivo complementar os serviços já oferecidos pela iniciativa privada nessas localidades, que possuem grande potencial de demanda de passageiros para ligação com Belo Horizonte. A inclusão de Patrocínio, na região Triângulo Norte, e Piumhi, no Sudoeste de Minas Gerais, às rotas do Voe Minas Gerais busca ampliar e otimizar a malha preexistente”, informou, por nota, a Codemge.

 

 
EXPLOSÃO EM GASÔMETRO DA USIMINAS DEIXA MORADORES EM PÂNICO

Por volta das 12h30 um grande estrondo e forte tremor foi sentido em diferentes pontos de Ipatinga, devido a explosão em gasômetro da Usiminas. Trabalhadores da empresa foram evacuados. Muitos moradores dos bairros próximos deixaram suas casas com medo de novas explosões e de contaminação por gás. Comércio do Centro da cidade foi totalmente fechado.

Até agora não se tem informação oficial de vítimas fatais. A informação é que 34 pessoas foram atendidas no Hospital Márcio Cunha com ferimentos e uma com suspeita de intoxicação.

 

Segundo a Usiminas, não existe mais risco de vazamento de gás e que está sob controle.

 
GUIAS COM AUMENTO ABUSIVO NA TAXA DE COLETA DE LIXO, EM IPATINGA, CHEGARAM E POPULAÇÃO ESTÁ INDIGNADA












 

 

Os moradores de Ipatinga receberam mês passado novas guias de IPTU e semana passada a nova guia da taxa de lixo, que veio separado do IPTU. Moradores estão indignados. A expectativa era que fossem revistos os valores. Quando as guias foram enviadas em abril, a população assustou com os valores e depois da publicação no Jornal Classivale, na edição de nº 1102, do dia 07 de abril, questionando o aumento abusivo na taxa de coleta de lixo, o então prefeito Jésus Nascimento anunciou o cancelamento das guias para discutir a revisão dos valores. Mas com a saída dele, por causa da cassação da chapa e com a mudança de prefeito, quando assumiu interinamente até as eleições, o então presidente da Câmara, Nardyello Rocha, não aconteceu a discussão sobre a mudança dos valores e nem novas guias foram enviadas para pagamento. As guias do IPTU só foram enviadas depois da eleição onde Nardyello assumiu como prefeito.

Os moradores e comerciantes receberam as guias de IPTU, em julho, alguns pagaram à vista e outros ainda estão pagando parcelado o imposto. Só que na guia não veio a taxa de lixo. A maioria dos moradores nem percebeu que não estava incluído a taxa e imaginou que havia diminuído o valor do IPTU. Agora receberam outra guia com a taxa, com aumento abusivo, aprovado pela maioria dos vereadores em dezembro do ano passado. Esses mesmos vereadores, quando foi divulgada a matéria disseram que iam cobrar do executivo a justificativa do aumento e tentar rever, mas nada disso foi feito, até então.

Todos estão assustados com o aumento abusivo da taxa de coleta domiciliar de lixo. Fazendo o comparativo de uma guia de 2017 quando o valor da taxa foi de R$ 134,47, este ano, passou para R$ 228,46. Em outra a taxa, de 2017, o valor foi de R$ 23,97 e a deste ano R$188,21. Variações de preços com percentuais diferentes. A taxa de expediente que em 2017 foi R$ 2,16, em 2018 passou para R$ 5,53. Esses valores da taxa variam de bairro e de casa, sendo que o sistema de coleta de lixo é o mesmo em todos os bairros.

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Página 3 de 48