Banner

Geral


Tratamento de esgoto na pauta da CMT

Depois de adiar a discussão e votação do Projeto de Lei nº 3395/09, que dispõe sobre a política municipal de saneamento ambiental de Timóteo, os vereadores retomarão o assunto no retorno do recesso parlamentar. A primeira reunião do ano será na terça-feira (2), às 14h. A expectativa é que o projeto entre na pauta. A presidente da Casa Legislativa, Guaraciaba Gomes (PMDB), alega que os anexos do projeto demoraram a ser encaminhados pelo Executivo no final de 2009. “O projeto entrou na Câmara 15 de novembro, mas os anexos demoraram a chegar. No meu entender, o projeto é de suma importância para município e envolve o pagamento de taxa. Precisamos ter muito cuidado na hora de aprová-lo. Não tinha motivo para aprová-lo nos finalmentes do ano passado. O projeto não entrou em pauta e nem foi apreciado nas comissões. Ele só foi lido. Em fevereiro faremos leitura e o votaremos”, declarou Guaraciaba.

Do outro lado, o prefeito Geraldo Hilário (PDT), disse que o adiamento é um “absurdo do ponto de vista ambiental”. Na opinião dele, a decisão foi um atraso. “Achei lamentável. Já discutimos o assunto exaustivamente com a comunidade e vereadores”, comentou. A previsão é de recursos de R$ 52 milhões para a água e esgoto no município. De acordo com o prefeito, o contrato de água com a Copasa está sem renovar porque ele está ligado ao esgoto. “A Copasa vai investir cerca de R$ 17 milhões nisso. Atualmente temos dificuldade de abastecimento de água em alguns pontos da cidade e não podemos melhorar em função disso”, falou Geraldo Hilário. A legislação federal prevê que até este ano todos os municípios tenham o plano de tratamento de esgoto aprovado.

 
Recurso causa repetição de prova em Timóteo

O concurso público de Timóteo, realizado no dia 16 de janeiro, foi motivo de muita confusão e acabou no Ministério Público, que recebeu nos últimos dias uma denúncia por parte do Sindicato dos Servidores Públicos de Timóteo (Sinsep) referente a supostas irregularidades no processo de seleção pública realizado no dia 16 de janeiro. Além disso, um dos 39 recursos impetrados no concurso provocou a repetição do exame para os candidatos a vaga de coordenador do Bolsa Família. A contestação do candidato foi aceita porque tratava-se do erro do fiscal que entregou a prova errada para ele. Sendo assim, hoje, os sete concorrentes a vaga terão que fazer nova prova, hoje, às 9h, na Secretaria Municipal de Educação (Centro Norte).

O gabarito da nova prova será divulgado na segunda-feira (1º), sendo o prazo para apresentar recursos de 24 horas após a sua divulgação. O resultado final do concurso deve ser divulgado no dia 3, pelo site www.timoteo.mg. gov.br. A lista de aprovados também será afixada no hall do Paço Municipal e prédios das Secretarias de Obras, de Educação e de Saúde. Após a divulgação, haverá a convocação para realização dos exames médicos e, posteriormente, assinatura dos contratos.

Queixas

Além dos recursos, os candidatos fizeram uma série de reclamações como fiscais fazendo a prova, cópias xerocadas, fiscais auxiliando candidatos nas respostas, questão com alternativa não contada no gabarito. A administração disse que o concurso transcorreu na regularidade e responderá a todas as solicitações do Ministério Público. O Sinsep aguarda o parecer do MP sobre a seleção pública.

 
Mais emprego nos supermercados

O aquecimento cada vez maior do setor supermercadista surtirá efeitos positivos na geração de emprego em 2010. De acordo com a Associação Mineira de Supermercados (Amis), o ramo deve abrir 7.000 novos postos de trabalho em Minas Gerais graças aos investimentos previstos de R$ 200 milhões neste ano. A estimativa da Amis é que 40 grandes lojas serão abertas no Estado e outros 58 hipermercados passarão por reformas e expansão, o que demandaria mais mão de obra. Em 2009, o setor iniciou o ano planejando investir R$ 120 milhões, o que acabou sendo ampliado para R$ 150 milhões, com geração de 6.000 vagas diretas.

O superintendente da Amis, Adilson Rodrigues, disse que 2009 foi o ano das promoções para manter as vendas. Segundo ele, a tendência é que cada vez mais os produtos diferenciados ganhem mais espaço neste ano, já que em 2009 foi a vez dos produtos essenciais. “Neste ano, o mix mais rico vai se aquecer”, disse. Depois de passar por cinco quedas nas vendas, o setor supermercadista fechou o ano de 2009 com um crescimento de 2,82%, valor maior do que as projeções do setor de 2%. As expectativas para 2010 são de crescimento, mais investimento e abertura de novos supermercados.

Sevar

Para debater avanços e desafios no setor, a Amis lançou, na quinta-28, no San Diego Suites, a 10ª edição do Super Encontro Varejista (Sevar) do Vale do Rio Doce e Mucuri. O evento acontecerá nos dias 16 e 17 de março, no Ipaminas E.C., com a realização de palestras, debates, oportunidades de relacionamento empresarial e de negócios.

 
Férias esfriam viagens no Carnaval

A procura por pacotes turísticos para o feriado de Carnaval, marcado para a segunda semana de fevereiro, está muito baixa. É o que constata a proprietária de uma agência de turismo, Regina Guerra. Segundo ela, o motivo é a proximidade do feriadão com as férias. “Quando a data cai muito perto de férias a procura reduz muito. Nesse caso, muitas pessoas compram a passagem no final do ano, ou então preferem escolher os destinos na véspera”, informou Regina Guerra. Na véspera as pessoas optam pelo Nordeste, mas neste ano a região oferecerá opções para quem quer ficar por aqui. “Teremos roteiros rurais, para São Domingos do Prata e mesmo a opção do Parque Estadual do Rio Doce (Perd)”, sugeriu.

Outro fator de peso nesse cenário são as facilidades de se programar uma viagem pela internet. “Pelo site a pessoa reserva sua estadia e já compra as passagens aéreas. Ela monta seu próprio pacote”, avaliou. Por outro lado, a internet também oferece riscos. “Se a pessoa que montou o seu pacote pela internet tiver algum problema ela não poderá contar com ajuda profissional e vai arcar com os transtornos”, alertou. Ainda de acordo com Regina Guerra, esse novo cenário exige dos profissionais uma mudança de postura. “Estamos com a necessidade de informatizar as agências para a pessoa pode fazer tudo pelo nosso site”, falou.

 
Volta às aulas

A partir da próxima semana os estudantes voltam às aulas. Com elas, vêm as enormes listas de material escolar, que deixam os pais à beira de um ataque de nervos por causa da combinação com as despesas extras de janeiro. Como não é possível fugir do gasto, a solução é pesquisar muito e fugir das marcas famosas. De acordo com o Procon a diferença de preço entre um lugar e outro e entre marcas pode ultrapassar 200%. É preciso ficar atento para itens “abusivos” nas listas escolares como itens de higiene e manutenção da escola, por exemplo. O Procon alerta os pais que a compra desse tipo de material não é obrigatória.

Na hora de escolher o uniforme vale o mesmo conselho: pechinchar. O item subiu quase 17% na comparação com 2009, índice quatro vezes maior que a inflação medida de janeiro a dezembro: de 4,31%.

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Página 8 de 43