Banner
Projeto de Concessão da BR-381 e BR-262

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) divulgou a proposta de edital de concessão da BR-381 e BR-262 em Minas e no Espírito Santo. A proposta prevê 30 anos de concessão e investimentos de R$ 9,1 bilhões e R$ 5,6 bilhões em custos operacionais. Ainda de acordo com o modelo adotado, a “concessão consiste na exploração da infraestrutura e da prestação de serviço público de recuperação, conservação, manutenção, operação, implantação de melhorias e ampliação da capacidade das rodovias”.

A proposta ainda prevê 11 praças de pedágio com valores que variam de R$ 8,54 para pista simples e R$ 11,10 para os locais duplicados. Entre as principais obras estão previstas a duplicação de 595,4 km da rodovia, 42,4 km de faixas adicionais e a construção de 54 passarelas. Os postos serão nos municípios de Caeté, João Monlevade, Itabira, Belo Oriente, Periquito, São Domingos do Prata, Manhuaçu, Martins Soares, Ibatiba, Venda Nova dos Imigrantes e Viana.

Os trechos selecionados, segundo a ANTT são os seguintes: BR-262/ES, no trecho entre a divisa ES/MG e o entroncamento com a BR-101/ES (Viana); BR-262/MG, no trecho entre BR-381/MG (João Monlevade) e a divisa ES/MG; e BR-381/MG, no trecho entre o entroncamento com a BR-262 (Sabará) e o entroncamento com a BR-116/MG (Governador Valadares).

A ANTT abriu a audiência pública para receber contribuições sobre as minutas do edital de contrato e o programa de exploração. Estão marcadas quatro reuniões presenciais. A primeira delas ocorrerá em 1º de agosto, em Governador Valadares. No dia seguinte é a vez de Belo Horizonte. Também serão realizada uma audiência em Vitória, no dia 07 de agosto e outra no dia 08, desta vez em Brasília.

“Pelo cronograma, caso as obras sejam separadas, o tempo estimado será de 15 anos para as duas rodovias. Se a duplicação for conjunta, esse tempo será de 10 anos. Outro motivo é a urgência. Os mineiros não aguentam mais trafegar em estradas que não dão segurança nenhuma. E o terceiro motivo: a BR-262 é uma continuação da BR-381 e os mineiros utilizam muito a estrada, já que é caminho para o litoral”, disse o senador Carlos Viana (PSD) comemorando  a medida.

Entre as novidades está a tarifa diferenciada para os trechos com pista simples (valor menor, mínimo de R$ 7,5 e máximo de R$ 8,54) e duplicada (valor maior entre R$ 9,76 e R$ 11,10),

 
Terceira edição do Fundação pra Você em Timóteo

A Fundação São Francisco Xavier (FSFX), em parceria com a Prefeitura de Timóteo, realiza a terceira edição do Fundação pra Você e leva ao município diversos serviços gratuitos. A ação, que acontece neste sábado (20), faz parte das celebrações do aniversário de 50 anos da FSFX. O evento será realizado na Praça 29 de Abril, em frente à Secretaria Municipal de Saúde, no bairro Centro Sul, em Timóteo.

As atividades começam às 8h e vão até o meio dia, com serviços diversificados para toda a família. Serão ofertados exames de acuidade visual, testes de nível de estresse, aferição de pressão arterial, teste de glicemia e orientações de promoção da saúde e de saúde bucal. Além disso, a equipe de Recursos Humanos da Fundação realizará o cadastramento de pessoas com deficiência que tenham interessem em trabalhar na Instituição.

Serão oferecidos testes rápido de HIV, Hepatite B e Hepatite C, além de vacinação antirrábica para os animais. Todos os serviços serão ofertados gratuitamente a toda comunidade.

 
Obras de ampliação e melhoria no Sistema de abastecimento de água em Ipaba

A Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) está investindo mais de R$ 1 milhão na ampliação e melhoria no sistema de abastecimento de água. Com a conclusão das obras, prevista para fevereiro de 2020, município contará com maior disponibilidade de água tratada, beneficiando mais de 12 mil pessoas na região. O empreendimento foi visitado pela equipe do governo municipal de Ipaba, juntamente com os diretores da Copasa, no último dia 10. Na ocasião, o superintendente operacional do Vale do Rio Doce e Vale do Aço da Copasa, Albino Campos, e o gerente do Distrito Regional Vale do Aço, Rodrigo Ferreira, apresentaram os detalhes técnicos da obra.

As intervenções contemplam a equipagem de dois novos poços profundos, com a vazão complementar de 12 litros por segundo; 1.572 metros de canalizações destinadas à condução de água potável das unidades de tratamento de água para o sistema de distribuição; ampliação da Estação Elevatória, que é uma unidade provida de bombas centrífugas e tanque que elevam e aumentam a pressão do líquido em um sistema de captação ou distribuição de água; construção de um novo reservatório em concreto armado, com capacidade de armazenamento de 300m³ de água tratada, além da ampliação das redes de distribuição de água.

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Página 1 de 67

Publicidade

vip m s.jpg